7.4.10

O Anticristo

Jogo à noite, estádio cheio, uns quartos de final de uma prova europeia, um adversário com um historial do tamanho do cadastro do Sócrates. Tudo perfeito. Tudo? Não. Do outro lado, um espanhol pançudo, mostrava mais uma vez ao seu mundo os seus pecados. Imortais e imperdoáveis.

O Liverpool foi daquelas muito poucas equipas que inovaram no futebol. Criaram novos movimentos, assumiram novas posturas, avançaram com novas sistemas tácticos. E ganharam muita coisa e sempre bem. Convido-vos a ver um jogo que invariavelmente passa no ESPN, o Liverpool com os Spurs, de 78 ou 79. Estes tinham uma equipa muito jeitosa. Os outros fazem-me lembrar uma frase do Nastase relativamente ao Borg, quando este estava no auge: "Eu sou um excelente jogador de ténis. O Borg joga outra coisa". E o Liverpool, aquela que jogou contra a equipa muito jeitosa dos Spurs, jogava outra coisa.

Uma das cenas mais deliciosas desse jogo é a cara dos defesas dos Spurs quando vêem as diagonais do Heighway, por exemplo. É que foi esse Liverpool que as inventou. Ou o Dalglish a organizar jogo e depois a aparecer na área. É que foi esse Liverpool que instituiu o apoio do ponta de lança. Ou o McDermot ou o Souness, dois jogadores absolutamente fantásticos, a recuperar bolas na defesa, a passar, com qualquer pé, para qualquer lado, a aparecer na área e a marcar. É que foi o Liverpool que inventou os box-to-box.

Uma equipa com esta história não pode ter uma espécie de Paulo Bento, só que muitissimo melhor remunerado e com um barbeiro um bocadinho mais empenhado, como treinador. Não pode. Este Liverpool é uma piscina de maus fígados, a ver pela cara dos pobres Gerard e El Nino, dois jogadores ao nível dos velhos tempos mas com a motivação da Inês de Medeiros em pagar viagens de avião.
O Benitez transformou uma equipa que eu sempre aplaudi, mesmo quando nos goleou, numa equipa patética. E isto, apesar de termos ganho, e bem, deixou-me triste, irritado e com vontade de vandalizar o El Corte Inglés.

SLB, 2 - equipadevermelhosediadanacidadedeliverpool, 1

1 comentário:

FranciscoB disse...

De facto, este Liverpool não se compara... por isso temos hipóteses...

Discordo relativamente a Benitez que é, seguramente, um dos melhores treinadores do mundo...