31.8.10

Há bens que vêm por mal


A questão é:
Quantos pontos irá o glorioso perder à pala daquele penalti mal marcado?


Um gajo cuja técnica de saída da baliza é semelhante à de uma galinha a tentar voar (e com resultados idênticos) passou a ser magnífico...

Se é por isso, ponham o Moreira (por isso, e por tudo o resto), que já nos safou de boas com as suas defesas a grandes penalidades.

Esta merda não é o Championship Manager! Não se vai pôr um catraio com descoordenação motora na baliza porque fomos cretinos o suficiente para fazer dele o oitavo GR mais caro da história do futebol. Somos o Benfica, caraças, não uma associação de reinserção social!

Disparatar no CM apenas tem com consequência desperdiçar um par de horas à frente do computador. O que, de qualquer forma, já está garantido.

Glorious One, 3 - V. Setúbal, 0

1 comentário:

Hugo Carreira disse...

Preso por ter cão...
O Roberto não tem hipótese. Faça o que fizer.
E acho piada à reputação do Moreira. Começou por ser um guarda-redes promissor, a quem, pela juventude e por ser da casa, se perdoavam as ocasionais saídas em falso a cruzamentos e demais problemas típicos dos g-r portugueses (Quim, Ricardo, Eduardo: todos excelentes entre os postes, maus a sair). Entretanto deixou há anos de jogar, mas é como se o tivesse feito e com resultados insuperáveis: 0 golos sofridos. O que eu espero é que não venha a ser necessário destruir o mito, pondo-o na baliza, para se perceber que, dos 3, o Roberto é o melhor (também o Júlio César começou o jogo com o Setúbal com aplausos de cada vez que olhava para a bola...)